Header Ads

Marcelo Reis é violentamente agredido pelo MTST: Mais uma da série "não existem esquerdistas bem intencionados"

Tenho insistido aqui, há alguns meses, que não existe isso de "esquerdistas bem intencionados", o que é constantemente repetido por liberais e conservadores para tratar militantes radicais como meras vítimas de "lavagem cerebral". Hoje me enviaram um vídeo que, mais uma vez, reforça  minha tese.

Marcelo Reis é fundador do movimento Revoltados Online, um grupo que atuou, junto a outros, na luta pelo impeachment de Dilma Rousseff. Segundo informações, ele se identifica como "de direita" e diz ser conservador. Na madrugada de quinta-feira, 16, ele se aproximou de uma invasão do MTST para tentar dialogar com Guilherme Boulos, petista líder do movimento. O que aconteceu? Bem, veja por si mesmo:


O vídeo é bem claro. Nele vemos um homem com as mãos para cima pedindo calma e dizendo que só quer conversar, enquanto uma legião de trogloditas partem para cima metendo porrada, empurrões e chutes. Quando ele cai no chão após um empurrão forte, todos o cercam e o agridem ainda mais, sem que ele tenha qualquer chance de se defender.

O que aconteceu aí é bem simples de entender. Trata-se, como já disse em artigos recentes, da regra, não da exceção. Esta é a postura normal da extrema-esquerda, ela é assim sempre. Exceção é o fato de ter, ali no meio, um ou dois que ainda tentaram proteger Marcelo das agressões.
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.