Header Ads

Liberais e libertários, continuem fazendo palestras e conferências falando sobre livre mercado. Vocês vão mudar o mundo!


Se tem uma coisa que vai mudar o mundo, se tem algo que fará toda a diferença na história da humanidade, esta coisa se chama palestra. Aliás, melhor ainda é se você chamar de "conferência", um nome mais encorpado e que traz peso ao ato.

Liberais e libertários brasileiros são especialistas nisso. Eles sabem fazer palestras, ou melhor, conferências, e fazem com tanta frequência que ainda é um verdadeiro mistério não terem conseguido mudar absolutamente nada no cenário cultural, social ou econômico do país. Toda semana, em algum canto do Brasil, tem alguma palestra liberal em uma faculdade ou auditório de algum hotel.

Nestes ambientes, os próprios liberais e libertários se reúnem e discutem a importância da liberdade econômica, das liberdades civis, da liberdade de empreender. Eles discutem, às vezes, por horas. Outras vezes um palestrante fala a respeito de Hayek e Mises, em alguns casos falam da Escola de Chicago. No final, todos saem de lá sabendo exatamente o que já sabiam quando entraram, mas têm sua fé reforçada. Tudo é lindo demais, e quando acaba eles vão para as redes sociais para tecer elogios à organização do evento. "Muito boa a conferência! Tá acontecendo", escreve alguém. Outro diz que ficou muito satisfeito e que a liberdade bem com tudo. 

Perfeito!

Um mês se passa e lá vão eles de novo... Desta vez, em alguma outra cidade, um palestrante ligado a algum instituto fala sobre o livre mercado e critica o tamanho do Estado brasileiro. Muito bom! A galera aplaude, certamente, como não poderia deixar de ser. No meio da palestra rola alguma piadinha sobre o Estado inchado, todos riem. Depois de passarem mais um sábado inteirinho sentados em cadeiras desconfortáveis no salão de algum hotel, eles saem mais uma vez revigorados e com a fé acesa. Tudo é lindo!

Passam-se anos nisso, até que um dia algum gênio finalmente desperta e diz: "Eureca! Temos que fazer alguma coisa realmente prática." Aí ele liga para uns amigos, fala com o presidente de um instituto qualquer, e agenda mais uma palestra. Desta vez o objetivo é falar sobre como os liberais e libertários podem agir para vender as "ideias de liberdade". Na conferência, o palestrante ensina como fazer isso: "Vocês precisam organizar palestras em suas cidades, em seus bairros, em suas escolas. Façam palestras! Quando não der para fazer uma palestra, façam debates com os coleguinhas de esquerda para ensiná-los que livre mercado é legal."

Mais uma vez os iluminados saem de lá com a fé restaurada. "Agora vai", diz o jovem rapaz. Ele chega em casa e organiza suas ideias. De repente, ele tem a ideia inovadora: "Vou fazer uma palestra sobre livre mercado."

Por aí vai, até que um dia eles consigam mudar o mundo!
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.